Coluna Inter

Gracias, River Plate!

Señoras e Señores, incrível como esse mundo dá voltas rápido demais. Privilegiados aqueles que tanto gostavam de cantar a música 1 minuto de silêncio criada por quem???? Sim, pelo River Plate. Nesta terça, os compositores da música tiveram o privilégio de cantar a música original para aqueles que copiaram. El fútbol és mágico.

Nós Colorados, fizemos uma campanha digna no Brasileirão, lutamos para nos remontar, porém a fase do rival era iluminada. As coisas estavam acontecendo, mas de repente já aconteciam ao acaso, como foi os dois gols contra o River. Eis, que o homem que um dia tentou menosprezar seu maior rival entra em campo lá pelos 20 do segundo tempo. Bressan era apenas um reserva que nunca jogou nada, mas adorava cornetear o seu rival, eis que entra para simplesmente ser o Geferson gremista, mudar a história e enterrar seu time. A bola é caprichosa, a bola pune, a bola escolhe seus personagens. Na sexta-feira o Inter reclamava, esperneava em São Januário por ter sido mais uma vez prejudicado. Eles, e muitos da imprensa gaúcha riram, diziam que a banca paga e recebe. Bom, a bola é caprichosa, deu a vitória para eles também no verdadeiro "Monumental", para subirem no salto. Para mandarem vídeos de Porto Alegre para Pinhalzinho. Sim, nos assistimos, quietos, respeitamos o momento. Não fizemos como Renato quando perdeu o grenal que sai dando piti enlouquecidamente, como Maycon que tentou menosprezar jogador rival como se fosse um sujeito de caráter. A bola pune amigos. Melhor ainda, pune com a camisa do nosso ídolo D'alessandro, Ah River Plate, gracias por ter colocado os pingos nos is. E agora, só podemos dizer, que El sueño se acabo. Toda arrogância será punida. Se cierran si las cortinas se cierran si las ventanas que ya no tienen nada para hacer.

La Remontada

"1 minuto de silêncio" ecoou na Arena na voz dos compositores; Bressan menosprezou o Inter e hoje tem o mesmo prestígio do Geferson; Renato debochou de quem jogava 1x por semana e vai terminar assim o ano. Não é corneta. Falo da lei do retorno. Essa, amigo, nunca falha!

Renato disse "o mundo é dos espertos" o Grêmio tá gritando contra a "esperteza" do Galhardo; Debochavam de quem reclamou da arbitragem uma semana atrás e não param de chorar; Pediam pra aceitar resultado do jogo e querem anulação ; Debochavam da posse de bola e tiveram 30%;

VAR com Diós, El Bressam El xerifón;

"BAMOS PARA LA CONMEBOL Y EL TAS, HOMBRES! EL LLORO ES LIBRE!" - Ué?????

"El mundo es de los malandradores". Renato Llorones Puertaluvas.





Facebook jornal.png

Rua João Pessoa, 1969 - Sala 003 | Pinhalzinho | 049 3366-3910

Copyright © 2011. Todos os direitos reservados | Associação dos Jornais do Interior de Santa Catarina