Política Municipal do Idoso de Pinhalzinho torna-se referência para a região

IMP
Foto: Divulgação

Na última quinta-feira (18) um grupo formado por gestores da Assistência Social e técnicos do município de Xaxim esteve em Pinhalzinho para conhecer melhor a Política Municipal do Idoso, criada no município, sob um olhar plural à respeito de temáticas dos idosos e que já vem se tornando referência para a região Oeste.

Entre os objetivos e responsabilidades, a Política Municipal do Idoso de Pinhalzinho baseia-se em ações para uma melhor qualidade de vida dos idosos, levando em consideração a nova realidade e as perspectivas para o público em qualquer fase da vida.

A comitiva de Xaxim foi composta por Joseane Sampaio, Diretora Geral da Secretaria Municipal da Mulher Juventude e Terceira Idade, Cleide Caetano, Assistente Social Creas, Luanda Boschetti, Coordenadora do Creas e o Secretário de Assistência Social, Eder Lussani. Também acompanhou a visita, o coordenador institucional da FECAM, Rodrigo Fachini, que estava de passagem por Pinhalzinho.

As autoridades reuniram-se na sede da Secretaria de Assistência Social de Pinhalzinho.

 Marisa Dalapossa, Coordenadora da Politica Municipal do Idoso de Pinhalzinho, explica que a comitiva xaxiense pretendeu com a visita, conhecer na íntegra, as ações desenvolvidas na cidade. "Eles vieram conhecer como foi formalizado todo o trabalho desde a construção das leis da Política Municipal do Idoso, de como foi formatada toda a parte que está no portal do município. Também foram repassadas informações, sobre o acesso que as pessoas tem em conhecer a política, a legislação, os projetos que foram aprovados no Fundo do Idoso e também no Conselho, conhecer a oficina, e de uma maneira geral, as ações que estão sendo desenvolvidas. Nós começamos a construir a Política Municipal do Idoso de baixo para cima, organizando a parte da gestão da Política do Idoso até o desenvolvimento de todas as ações e atividades".

A Diretora Geral da Secretaria Municipal da Mulher Juventude e Terceira Idade de Xaxim, Joseane Sampaio, salienta que as experiências vistas em Pinhalzinho contribuirão significativamente para ampliar o atendimento aos idosos na cidade. "Nós agendamentos a visita ao município de Pinhalzinho, porque somos sabedores da Politica Municipal do Idoso que é desenvolvida pela administração municipal aqui. Viemos aqui para trocar experiências, para compartilhar, afinal, compartilhar é aprender e estamos saindo daqui muito satisfeitos com tudo que foi apresentado. Pinhalzinho está de parabéns com essa atenção com os idosos, e nós de Xaxim também temos essa preocupação, já temos vários serviços organizados em relação a isso e queremos voltar para a nossa cidade, e ampliar essa atenção, através dessa experiência com tudo que nos foi apresentado".

O coordenador institucional da FECAM, Rodrigo Fachini, avalia que Pinhalzinho se tornou um 'case' da questão da organização, no reordenamento do serviço para a pessoa idosa "Na última quinta-feira eu estive em Pinhalzinho e pude presenciar algo que a FECAM dá muito valor, que é justamente a troca de experiência, a troca de boas práticas, o compartilhamento de conhecimento. Foi ali, junto com a Ivone, que é a secretaria de Assistência Social de Pinhalzinho, e toda a sua equipe, que eu pude acompanhar, junto à comitiva de Xaxim, uma apresentação das ações que estão sendo desenvolvidas. Isso é muito importante, é muito valoroso. Também é muito tocante, porque o trabalho que está sendo exercido em Pinhalzinho, segue a nota técnica da FECAM. Hoje Pinhalzinho se tornou um 'case' da questão da organização, no reordenamento do serviço para a pessoa idosa, é algo que a gente verdadeiramente precisa valorizar e fazer com que essa informação, que essa boa prática do município de Pinhalzinho, através do empenho dos servidores, possa estar compartilhada com os 295 municípios catarinenses. É dessa forma que vamos fazer um estado cada vez melhor", disse.



Facebook jornal.png

Rua João Pessoa, 1969 - Sala 003 | Pinhalzinho | 049 3366-3910

Copyright © 2011. Todos os direitos reservados | Associação dos Jornais do Interior de Santa Catarina